O diretor-geral do ONAS visita a ETAR de Cambérène (Senegal) e felicita a Incatema pelo seu bom trabalho

1 December, 2023

O Diretor-Geral do ONAS (Gabinete Nacional de Saneamento do Senegal), Mamadou Mamour Diallo, visitou o local na quinta-feira, 30 de novembro de 2023, para ver pessoalmente e em pormenor o estado de conclusão dos trabalhos. Após a visita às instalações, felicitou toda a equipa da Incatema pelo excelente trabalho que está a ser realizado na Estação de Tratamento de Águas Residuais de Cambérène, situada a norte de Dakar, no Senegal, e manifestou o seu apreço pelo grande esforço realizado.

Fernando Díaz, Diretor de Infraestruturas da Incatema, recorda que "estamos atualmente a concluir as atividades finais para a colocação em funcionamento da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Cambérène, no Senegal, com o objetivo de a entregar ao cliente (a Oficina Nacional de Saneamento do Senegal -ONAS-) antes do final deste ano".

O primeiro processo do sistema de depuração a implementar consiste no pré-tratamento e tratamento primário por métodos físicos, de modo a eliminar os materiais inertes contidos nas águas residuais (sólidos grosseiros e finos, bem como gorduras em suspensão), e onde, além disso, é efectuada uma primeira clarificação por decantação de lamas.

Segue-se o tratamento secundário das águas residuais, que consiste numa série de processos de natureza biológica na presença de oxigénio (tratamento aeróbio) que têm em comum a utilização de microrganismos para efetuar a remoção da matéria orgânica biodegradável.

Finalmente, inicia-se o processo de tratamento terciário que, através da microfiltração e da utilização de raios ultravioleta, serve para eliminar os agentes patogénicos que podem comprometer a saúde da população. A partir desse momento, a água pode ser reutilizada de forma segura e ecológica para fins agrícolas ou recreativos (irrigação de parques e jardins) ou devolvida ao ambiente natural.

As lamas geradas na ETAR, devidamente pré-tratadas, podem ser utilizadas na agricultura ou como combustível.

"O que estamos a culminar nestes dias corresponde aos ensaios de biogás que estão a ser gerados na central, para utilização energética (cogeração de eletricidade por combustão do mesmo), bem como à desidratação das lamas geradas tanto no tratamento primário como no secundário. Estas lamas, uma vez desidratadas por processos mecânicos, podem ser utilizadas na agricultura após tratamento final de secagem e conversão em composto, ou também como combustível sólido, uma vez transformadas em pellets", acrescenta Díaz.

Uma vez concluídos estes processos finais, a fábrica pode ser entregue ao cliente antes do final do ano. Os ensaios de entrada em funcionamento da ETAR são a última etapa antes da sua entrega ao cliente, e têm como objetivo verificar o funcionamento ótimo de todos os elementos da ETAR, como já foi referido aqui.

Com a ampliação e a modernização das instalações que estamos a concluir, a estação de tratamento de águas residuais de Cambérène, que trata as águas residuais produzidas por uma população de mais de 1,6 milhões de habitantes, adquirirá uma capacidade média de tratamento de 92.000 metros cúbicos por dia e poderá suportar picos de tratamento de até 101.000 metros cúbicos por dia.

O projeto tem um custo de 32 milhões de euros, financiado pelo Banco Islâmico de Desenvolvimento. Faz parte do plano ambiental do Senegal para melhorar a qualidade do ar em Dakar Norte.